Institucional

Edição nº1458 – sexta-feira, 10 de setembro de 2021

“Dinheiro”: Novo livro de Belluzo e Gabriel Galípolo

reprodução

 

“Dinheiro: o poder da abstração real” é o novo livro dos professores Luiz Gonzaga Belluzzo e Gabriel Galípolo, publicado pela Editora Contracorrente, 256 p.

Com provocações cirúrgicas, os autores promovem uma reflexão indispensável à sociedade brasileira, de que é exemplo este trecho lapidar selecionado pelos editores da obra: “o conceito de abstração real condensa com propriedade a natureza do processo de constituição da estrutura e dinâmica do capitalismo. Vamos considerar as cadeias globais de valor. Esse movimento ocorre na estrita obediência às normas do capitalismo enquanto sistema, cujo objetivo é a acumulação de riqueza abstrata, monetária. Ou seja, não se trata de produzir e gerar abundância e conforto material para os indivíduos e suas vidas, mas de produzir mercadorias concretas, particulares, úteis ou inúteis, com o propósito de acumular dinheiro”.

O Centro Internacional Celso Furtado de Políticas para o Desenvolvimento recomenda a obra. Veja mais aqui.

Editorial

AJT, retorno ao trabalho presencial e o discurso histórico do ministro Luís Roberto Barroso

Institucional

Financeirização no Brasil e na periferia

Opinião

Charge de Nelson Tucci

 
 

EDIÇÕES ANTERIORES

(a partir de 2002)

INSTITUCIONAL

Uma longa viagem pela América Latina em livro on-line

Fruto de duas décadas de trabalho de campo e entrevistas, “Uma longa viagem pela América Latina. Invenção, reprodução e fundadores das Ciências Sociais”, de Hélgio Trindade, oferece um vasto panorama histórico-crítico sobre o tema-título.

O livro, disponível em edição on-line, acompanha a trajetória das Ciências Sociais desde sua recepção na América Latina até sua consolidação e profissionalização, ao mesmo tempo em que se detém na contribuição de instituições internacionais e transnacionais (CEPAL, FLACSO e CLACSO) e proporciona uma coleção inédita de diálogos com seus principais referentes no Brasil, México, Argentina, Chile, Uruguai, Paraguai e Bolívia.

Para ter acesso ao livro, clique aqui.